Novas trincheiras e viaduto vão desafogar o trânsito na Linha Verde Sem avaliações ainda.

O prefeito de Curitiba Rafael Greca e o governador Beto Richa anunciaram, nesta terça-feira (19/12), um investimento de R$ 80 milhões na Linha Verde com a construção do viaduto da Anne Frank (Boqueirão) e das trincheiras das estações Santa Bernadete (Fanny/Hauer) e São Pedro (Capão Raso/Xaxim). A Linha Verde é a principal avenida de Curitiba, que liga o Sul e o Norte da capital.

Além de segurança, as obras vão garantir maior fluidez ao trânsito. “Muito feliz em anunciar com o governador esse importante investimento que irá acabar de uma vez por todas com os congestionamentos na Linha Verde. São obras muito solicitadas pelos moradores”, disse o prefeito Rafael Greca.

O governador Beto Richa destacou que a Linha Verde foi construída na gestão dele como prefeito de Curitiba e que apresenta pontos críticos de congestionamentos. “Estou satisfeito por anunciar o investimento que vai solucionar esses problemas. Além destes R$ 80 milhões para obras na Linha Verde, outros R$ 120 milhões já foram confirmados para melhorias de ruas de Curitiba”, disse o governador.

Licitação

O vice-prefeito e secretário de Obras Públicas, Eduardo Pimentel, explica que após a conclusão dos projetos pelo Ippuc, as obras das interseções serão licitadas. “A construção das trincheiras e viadutos na Linha Verde era um pedido antigo dos curitibanos. Com a liberação dos recursos, vamos trabalhar para licitar e começar o quanto antes essas importantes obras”, afirmou.

Pimentel lembrou ainda que já em janeiro será aberta a licitação para a conclusão da Linha Verde Norte, entre o Bacacheri e o Atuba.

Os recursos serão repassados a fundo perdido ao município pela Secretaria de Infraestrutura e Logística. “As obras, agora confirmadas, vão melhorar a mobilidade urbana. O viaduto traz conforto, segurança, é uma mudança extrema para mobilidade”, disse o secretário estadual da Infraestrutura e Logística, José Richa Filho.

Outros convênios

Além da construção dos viadutos e trincheiras da Linha Verde, o Governo do Paraná e a Prefeitura de Curitiba firmaram convênio para investimento de R$ 120 milhões na reciclagem e fresagem de 260 importantes ruas da cidade. Cerca de 75% do valor será repassado a fundo perdido, ou seja, o município não precisa devolver os recursos.

Outra importante parceria é para doação de vigas para construção de seis pontes de concreto. Havia mais de sete anos que a Prefeitura não construía esse tipo de pontes na cidade.

Linha Verde Sul

Antes do evento, o prefeito Greca e o vice-prefeito Eduardo Pimentel entregaram as obras de recape de 3,6 quilômetros da BR-476, no fim da Linha Verde Sul, no bairro Pinheirinho. A obra é uma das mais aguardadas pelos curitibanos e garantirá maior segurança e conforto aos motoristas que utilizam a via.

O trecho recuperado foi entre a Rua Izaac Ferreira da Cruz e a alça de acesso do Contorno Leste, quase limite entre Curitiba e Fazenda Rio Grande. “Uma importante obra feita com massa da Usina de Asfalto da Prefeitura e que foi concluída 20 dias antes do prazo graças a eficiência e trabalho sério da Secretaria de Obras Públicas”, disse o prefeito.

Deixe sua avaliação

- Anuncie Aqui -

DEIXE UMA RESPOSTA

Escreva seu comentário
Escreva seu nome aqui