Polícia do Rio procura dois suspeitos pelo furto de medalha Fields

Por Estadão Conteúdo

A Polícia Civil do Rio de Janeiro identificou dois homens suspeitos de terem roubado a medalha Fields do iraniano Caucher Birkar. Considerado o “Nobel” da Matemática, o prêmio foi entregue na quarta-feira, 2, no Rio, durante o Congresso Internacional de Matemática, realizado pela primeira vez no Brasil. Durante o evento, a medalha foi furtada, junto da pasta em que estava guardada, na qual também constava a carteira e o celular de Birkar.

A Delegacia de Atendimento ao Turista (Deat) e a Delegacia do Recreio, bairro onde fica o Riocentro, onde ocorreu o congresso, fazem diligências na manhã desta quinta-feira, 2, para localizar os suspeitos.

Segundo o jornal “Extra”, os suspeitos foram identificados pela polícia a partir de imagens de um cinegrafista que trabalhava no congresso. Na gravação, um dos suspeitos aparece olhando para os lados enquanto coloca um objeto (que seria a pasta do matemático) dentro de uma mochila.

Quando Birkar percebeu o furto, a equipe de segurança do congresso foi acionada. A pasta foi encontrada debaixo de uma arquibancada, mas não havia sinal da medalha ou da carteira. Apenas o celular foi deixado para trás.

A medalha de ouro 14 quilates é avaliada em aproximadamente R$ 16 mil. Mas seu maior valor é simbólico: trata-se da maior honraria da Matemática, concedida até hoje a apenas 60 pessoas desde que a premiação foi instituída, em 1936.

Deixe sua avaliação

- Anuncie Aqui -