Gleisi confirma Haddad como candidato e Greenhalgh lê carta de Lula

Por Júlio Cesar Lima, especial para AE, Estadão Conteúdo

A presidente nacional do PT, senadora Gleisi Hofmann, confirmou na tarde desta terça-feira, 11, na vigília batizada de ‘Lula Livre’, em Curitiba, em frente à sede da Polícia Federal, que o ex-prefeito de São Paulo Fernando Haddad é candidato a presidente pelo PT. “Estamos apresentando Fernando Haddad como candidato a presidente. E reafirmando também a aliança com PCdoB, apresentamos também a Manuela D’Ávila (como vice)”, disse

Luiz Eduardo Greenhalgh, advogado e um dos fundadores do PT, começou a ler uma carta de Luiz Inácio Lula da Silva. Em um trecho da carta, ex-presidente diz que “proibiram o povo brasileiro de votar livremente para mudar a realidade do País”. “Estou há mais de cinco meses preso injustamente, não cometi crime nenhum, continuo desafiando os promotores da Lava Jato, o juiz Sérgio Moro, e o Tribunal Regional a apresentarem uma única prova”, afirma Lula no texto.

Haddad saiu nesta tarde da sede da PF para participar da vigília em que foi confirmado como candidato à presidência pelo PT.

Deixe sua avaliação

- Anuncie Aqui -