Hamilton destaca ajuda e exalta Bottas: ‘Melhor parceria que já existiu na F-1’

www.asemananews.com.br
(Foto: Reprodução)
Por Felipe Rosa Mendes/Estadão Conteúdo  

Pentacampeão mundial da Fórmula 1, Lewis Hamilton desembarcou no Brasil nesta semana sem o peso de precisar confirmar o título, garantido no México, na etapa passada. Mais leve, o piloto inglês pôde deixar de lado o campeonato por um momento para agradecer ao finlandês Valtteri Bottas pela parceria bem-sucedida, que está perto de buscar também o troféu do Mundial de Construtores para a Mercedes.

“Temos um respeito muito grande um pelo outro. Tenho certeza de que é a maior parceria que já existiu na Fórmula 1 em termos de respeito e trabalho em equipe”, disse o pentacampeão, nesta quinta-feira, no Autódromo de Interlagos. “Houve momentos em que eu percebi coisas legais no acerto do meu carro e contei a ele. E ele fez o mesmo comigo. Eu vejo como ele trabalha duro e ele vê também como eu trabalho bastante.”

A parceria teve início no ano passado, quando Bottas entrou na Mercedes. Hamilton também venceu o campeonato de 2017. O finlandês substituiu o alemão Nico Rosberg, que protagonizou forte rivalidade com Hamilton entre 2014 e 2016. Com frequência, os companheiros trocavam farpas em declarações públicas e também na pista, com acidentes que causaram muita preocupação para os dirigentes da equipe.

De acordo com Hamilton, a convivência com Bottas é totalmente diferente. “Não fazemos joguinhos para tentar prejudicar o outro”, afirmou o inglês, que não deixou de agradecer ao finlandês pelas ajudas na pista. “Neste ano, com certeza teve momentos em que ele foi determinante para vencermos as corridas ”

Ele se referia principalmente ao GP da Rússia, que era liderado por Bottas até que a direção da equipe deu a ordem para Hamilton fazer a ultrapassagem sem sofrer qualquer resistência por parte do finlandês. “Sou muito grato a ele como companheiro de equipe pela ajuda que tem dado para mim na conquista deste sonho incrível. Agradeço muito a ele”, declarou o pentacampeão.

O inglês também reconheceu as boas performances de Bottas em sua segunda temporada pela poderosa Mercedes, que vem dominando o campeonato nos últimos anos. “Nesta temporada, ele começou muito forte e aí passou a ter algumas dificuldades nas corridas. Acho que em Baku ele sofreu grande decepção. Ele merecia aquela vitória, mas aí teve aquele pneu estourado”, lamentou Hamilton.

Com o título do Mundial de Pilotos já decidido, a Mercedes tenta no GP do Brasil conquistar também o Mundial de Construtores, que rende polpuda premiação ao campeão. O time lidera o campeonato no momento, com 585 pontos, contra 530 da Ferrari. E poderá sacramentar o troféu no Autódromo de Interlagos, no fim de semana.

A corrida está marcada para as 15 horas de domingo. Os pilotos vão para a pista pela primeira vez às 11 horas desta sexta-feira E a segunda sessão está agendada para as 15 horas. O treino classificatório terá início às 15 horas de sábado.

 Contato

Deixe sua avaliação

- Anuncie Aqui -