O furacão Trump Sem avaliações ainda.

Como todas as grandes tempestades, o poder de destruição é muito grande, o resultado imprevisível. Até o momento, o que dá para perceber é o aumento da importância do Brasil no cenário mundial, apesar da crise política que estamos passando.

São duas crises, a externa e a interna. As mudanças que estão ocorrendo são muito intensas. Ninguém tinha imaginado a profundidade das mudanças. No Brasil, a quantidade de políticos processados e presos por corrupção é muito grande. A maioria dos políticos atuais se sente ameaçada e não sabe o que fazer para se proteger. As próximas eleições serão um divisor de águas.

No cenário mundial, a liderança dos Estados Unidos cada vez mais está ameaçada. Antigos parceiros estão questionando antigas alianças. A China olha para o Brasil como a sua tábua de salvação. Não existe nada melhor que o Brasil para garantir a sua segurança alimentar.

O próprio Estados Unidos vem o surgimento da liderança do Brasil com muita preocupação. Mas não pode fazer nada, além de lançar bravatas. Enquanto isso, as filas de navios para embarcar comida nos portos brasileiros aumenta cada vez mais. Só que agora existem quase duas dezenas de portos fazendo exportações de produtos agrícolas. Antes eram dois ou três, no máximo. A ampliação da capacidade de produção e embarque é visível.

As Guerras de Trump estão transformando o Brasil, independentemente da crise política interna. A China começou comprando vários portos e estradas. Agora muitas obras de ampliação estão começando a sair do papel com investimentos chineses. Logo o Brasil vai se transformar num canteiro de obras de infraestrutura para ampliar ainda mais as exportações agrícolas.

Da porteira para dentro, a produtividade da nossa agricultura está crescendo a olhos vistos. As previsões são feitas pelas produtividades médias. Só que a realidade tem se mostrado muito mais atraente. A produtividade teima em aumentar, apesar das dificuldades do clima. Está ocorrendo uma mudança de patamar. Esse é um fato novo. Ninguém esperava uma transformação tão rápida do Brasil. Os centros de tecnologia estão se espalhando no Brasil. O tempo de difusão do conhecimento está se reduzindo.

Os exemplos de cruzamento de tecnologias estão crescendo. Tecnologias criadas para produzir flores ou alimentos nos desertos estão sendo usadas para aumentar a produção de grãos, com resultados surpreendentes. O ponto de retorno dessas experiências estão sendo extremamente atrativos.

A desvalorização do real torna esses projetos de melhoria cada vez mais atraentes. O aumento do superávit da balança comercial ainda não foi percebido pelos economistas. Vamos sair de um patamar de 65 bilhões de dólares e vamos para 95 bilhões anuais. Os agricultores aumentaram muito as suas vendas futuras nas últimas semanas. A próxima safra promete grandes surpresas, principalmente no aumento da produtividade. O aumento da rentabilidade é o grande motivador.

Não faltam recursos para essa grande transformação. Os investimentos externos estão aumentando, apesar da crise política. A crise econômica na Argentina está acelerando ainda mais as transformações no Brasil. Há alguns anos a Argentina produzia 70% da safra brasileira de soja. Este ano, por causa de uma grande seca, não vai produzir nem 40%. Com a quebra da safra, a Argentina já está importando soja dos Estados Unidos para atender os seus compromissos de exportação de farelo de soja. O impacto da crise econômica na recuperação da produção de grãos é uma incógnita. É provável que faltem recursos para os argentinos plantarem a próxima safra.

No Brasil, a próxima safra só começa a ser plantada em setembro. Até lá os agricultores terão muito tempo para se prepararem, comprando insumos, equipamentos novos e ampliando a área plantada. Os números mostram uma retomada dos investimentos na agricultura.

A próxima safra só começa a ser colhida em fevereiro ou março do ano que vem. Até lá serão feitas muitas previsões. O passado ensina que os erros nas previsões são muito grandes. O ano de 2019 promete grandes surpresas.

Todos os ventos estão a favor.

Deixe sua avaliação

- Anuncie Aqui -